top of page

22 de dezembro de 2023: por que esse dia é tão importante pra você?

Nos dias 21-22 de dezembro de 2023 teremos o Solsticio de Verão no Hemisfério Sul e o Solstício de Inverno no Hemisfério Norte. Embora estes pareçam ser apenas mais um dia em nosso calendário, eles são MUITO MAIS do que isso. Na verdade, eles extrapolam o calendário, porque em lugar de se pautar por marcos aleatórios de início ou final de verão ou de inverno criados pelo homem, eles foram criados pelo nosso olhar, o olhar dos nossos ancestrais para o céu e para a natureza, tentando entender qual era a mensagem, qual era o próximo passo, para onde deveriam caminhar em seguida.


22 de dezembro de 2023: por que esse dia é tão importante pra você?

Estes são dias de reconhecimento do momento que a natureza está atravessando e da etapa do ciclo no qual ela se encontra. É hora de plantar? De colher? De nos recolhermos (com comida o suficiente para atravessarmos o inverno)? Ou de sair para celebrar com a nossa tribo o incrível período de abundância que tivemos?

Ao falar disso, me imagino com os pés na grama e os olhos voltados para o céu, observando a lua. Em qual fase ela se encontra? E o que isso significa para você?

Sempre nos orientamos pela natureza e ela nunca deixou de nos informar aquilo que precisávamos saber para nossa sobrevivência e para a perpetuação da nossa espécie. Mas nós nos perdemos em nosso caminhar quando nos conectamos com a tecnologia e nos desconectamos da mãe Gaia, da Deusa. Não, a tecnologia não compete com a natureza e ambos podem sim ser coexistir complementariamente. Mas, se o que está fora, debaixo dos meus pés e acima da minha cabeça, é um reflexo do que está dentro de mim, o que significa essa desconexão com o meu meio? Significa, também, uma desconexão de mim mesma.


Solstício de Inverno no Hemisfério Norte

No dia 21 de dezembro às 22h27 (horário do leste) aqui no Hemisfério Norte teremos a noite mais longa do ano, quando o Sol atingirá seu ponto mais baixo no horizonte. Lá ele ficará por aproximadamente 3 dias quando, então, retomará o seu caminho de subida. Então, os dias ficarão gradualmente mais longos, com o Sol se pondo um ou dois minutos mais tarde todos os dias, durante os seis meses subsequentes, até que ele alcance novamente seu ponto mais alto no horizonte.


Solsticio de Verão no Hemisfério Sul

E no Hemisfério Sul? No Hemisfério Sul acontecerá exatamente o oposto: no dia 22 de dezembro à meia noite e vinte e sete (horário de Brasília) o Sol atingirá seu ponto mais alto no horizonte, onde também permanecerá por aproximadamente 3 dias e, a partir de então, retomará gradualmente seu caminho de descida. A cada dia, a noite chegará um ou dois minutos mais cedo todos os dias pelos seis meses subsequentes, até que o Sol alcance seu ponto mais baixo no horizonte.


E essa data - assim como os equinócios - é muito especial! Primeiro, porque a Astrologia tropical está totalmente pautada nos ciclos da natureza e nas estações do ano. Segundo, porque nós somos feitos da mesma matéria - eu, você e a natureza - e esse dia de celebração do que está fora pode ser também um dia de reconexão com o que está dentro.

Tradicionalmente, os povos de antanho celebravam no dia do Solstício de Inverno o Yule, que era um festival dedicado a comemorar a vitória da luz sobre a escuridão. Após dias curtos e noites longas, de muito frio, a luz voltaria gradualmente a brilhar, e o calor voltaria gradualmente a aquecer a terra, permitindo o plantio para posterior colheita. Era a vida voltando à vida.


No Hemisfério Sul celebrava-se a Litha, o festival do Solstício de Verão, que consagrava a abundância da natureza, o poder do Sol e a alegria da vida. Com o Sol em seu ponto mais alto no horizonte todos estavam em seu pico de energia. As colheitas tinham atingido sua plena maturidade. Durante Litha eles honravam com gratidão o deus Sol, muitas vezes através de fogueiras, rituais e celebrações ao ar livre. Em apenas algumas semanas, a temporada de colheita começaria, mas naquele momento eles faziam uma pausa para celebrar a manifestação do que foi plantado nas primeiras semanas da primavera.

Quando foi a última vez que você parou para celebrar a manifestação do que foi plantado?

Ambas transições contém um simbolismo profundo. Ambas refletem a dança eterna entre a luz e a escuridão, entre a vida e a morte, e o potencial sempre presente de transformação, tanto em nossas vidas quanto na natureza.


Dentro de nós também vivemos uma eterna luta - ou dança - entre a nossa luz e a nossa escuridão, sempre buscando um equilíbrio, a consciência, e nutrindo aquela parte nossa que queremos que seja mais forte em nós.


Ao abraçar as energias de Yule e de Litha, nos lembramos do nosso ritmos internos e nos alinhamos com esse ritmo cósmico, aproveitando a sabedoria inerente à natureza.


Esse email é um convite para que você, nos próximos dias, cave um espaço em seu dia, em sua agenda, para se reconectar. Esteja você no ápice do inverno ou no ápice do verão, o momento pede compartilhamento com a nossa tribo, mas também introspecção e autorreflexão. Assim como a natureza se retira de tempos em tempos para um período de descanso e renovação, nós também precisamos fazer o mesmo.


Torne esse momento sagrado. Sim, porque embora a vida esteja cheia de significados e de momentos sagrados, eles só se revelam quando a gente olha intencionalmente para eles, buscando-os.


Aproveite, então, para olhar para dentro, reavaliar sua vida, liberar o que não serve mais (inclusive roupas, sapatos, papéis e brinquedos), renovando a energia da sua casa e da sua alma. O momento é de renovação! Defina com que carga você deseja entrar neste novo período.


Reconecte-se com o seu eu mais profundo, com a sua luz interior e com a faísca da divindade que reside em você. Use o momento para agir de forma a reafirmar a sua gratidão pelo que há, pelo que é, e para celebrar a faísca divina que reside em você, apesar da sua sombra e das noites mais longas da sua alma.

A vida está cheia de momentos sagrados e cheios de significado, esperando o seu olhar pra se revelar pra você.

1 comentário

1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Eliane Silva
Eliane Silva
Dec 22, 2023
Rated 5 out of 5 stars.

Texto perfeito...como tudo que voce manda....

Like
bottom of page